O Sindicato APEOC protocolou na manhã desta sexta-feira (11), no Palácio da Abolição, o pedido de audiência com governador cobrando agilização dos processos de Ascensão Funcional, Estabilidade, Gratificação das Escolas Profissionais, a sanção da Lei da Descompressão e o envio da Mensagem ao Legislativo prevendo na LDO a Revisão Geral dos Servidores para 2016, que repõe as perdas da inflação de 2015.

O presidente da entidade, Anízio Melo, e o vice-presidente estadual, Reginaldo Pinheiro, acompanhados de assessores e advogados, foram pessoalmente deixar o documento na sede do Executivo estadual. Anízio Melo reafirmou o compromisso do Sindicato APEOC na consolidação dos direitos dos trabalhadores da Educação e destacou que todas as reinvindicações estão garantidas por lei, logo não é nenhum favor do Governo conceder o que os professores estão exigindo.

No fim da manhã, os representantes do Sindicato foram recebidos pelo secretário de Relações Institucionais, Nelson Martins, e pelo assessor especial de Acolhimento aos Movimentos Sociais, Acrísio Sena. Nesse encontro, eles cobraram o compromisso do governo com a pauta dos profissionais da Educação e afirmaram que não vão dar trégua na luta pelos direitos da categoria.